sexta-feira, 13 de julho de 2012

Dia de benesses, dia de bençãos!


\o/\o/\o/ 

Nesta sexta-feira auspiciosa, entro em conexão, saúdo, celebro e reverencio o panteão da linhagem ancestral da egrégora matrilinear que guarnece todos os meus flancos, protegendo-me contra os percalços que se avizinham e me indicando o caminho da propriedade sábia do espírito!

Que minha vida siga na benção infinita em que se esteia,
com meu coração pulsando na certeza de estar no auge dos meus rumos
Missões benfazejas que me impulsionam ao Infinito 
E que trazem apenas alegria para a minha alma!

Que meus ciclos de aprendizagem encontrem suas finalizações
em encontros cármicos que se apaziguam.
Que meu coração permaneça impoluto
reverberando o cântico sagrado do amor que exala pelos poros abertos.

Que minha verdade seja a luz que incendeia a falsidade,
Que meu espírito continue na senda sagrada da congregação.
Que o puro e incondicional se estabeleça em meu retiro
E que, ao final, o ilusório se dissipe em pleno ar!

Muitas bençãos para quem fica, muitos olás para quem, enfim, retorna
Que a ação motive a reação
E a lei de volta perfaça, justa, seu caminhar!

Selo e lacro meu invólucro, banindo de minha egrégora o que me é malfazejo
Que meus dias sejam bençãos eternas de alegria
E que se apague a lembrança vívida de qualquer presença!
Hey ho!

/o\/o\/o\

Nenhum comentário:

Postar um comentário